quinta-feira, 1 de maio de 2008

TEMPO DE VENCER!


Eclesiastes 3:1-8,11a

1. Tudo neste mundo tem o seu tempo; cada coisa tem sua ocasião.
2. Há tempo de nascer e tempo de morrer; tempo de plantar e tempo de arrancar;
3. Tempo de matar e tempo de curar; tempo de derrubar e tempo de construir.
4. Há tempo de ficar triste e tempo de se alegrar; tempo de chorar e tempo de dançar;
5. Tempo de espalhar pedras e tempo de ajuntá-las; tempo de abraçar e tempo de se afastar;
6. Há tempo de procurar e tempo de perder; tempo de economizar e tempo de desperdiçar;
7. Tempo de rasgar e tempo de remendar; tempo de ficar calado e tempo de falar;
8. Há tempo de amar e tempo de odiar; tempo de guerra e tempo de paz.
11. Deus marcou o tempo certo para cada coisa.

Vivemos numa época onde as pessoas estão preocupadas com o tempo. Empresários preocupados com o horário do banco para pagar suas contas; os Office-boys preocupados com o tempo nas filas dos bancos; os alunos preocupados com o término do ano letivo por causa das greves feitas pelos professores; funcionários preocupados com o horário de chegada no trabalho por causa das greves de motoristas de ônibus.
Mulheres que já estão numa certa idade e ainda não puderam ser mãe, e pensam que pra elas talvez não tenha mais tempo; outras que não querem aceitar que o “tempo” está passando e fazem todo tipo de tratamento estético para estacionar no “tempo”.
Há pessoas que por estarem com certa idade acham que não dá mais tempo de realizar os seus sonhos pessoais ou profissionais, mas há também aqueles que não vêem nenhuma dificuldade em realizá-los, pois pra eles não importa o tempo, e sim, a disposição.
Outros estão muitos preocupados com o “tempo” em que estamos vivendo: um tempo de violência, egoísmo, ganância, corrupção, sensualidade exacerbada, desestrutura familiar, fome, miséria, desastres ecológicos, guerras e tantas outras catástrofes que assolam o nosso planeta.
Mas para tudo na nossa vida tem um tempo determinado e é necessário que este tempo seja respeitado, quando apressamos o nosso tempo a tendência é sentirmos remorso por não termos esperado o momento certo e aí, não dá mais para mudar a situação.
A Bíblia nos fala que:
tudo neste mundo tem o seu tempo; cada coisa tem sua ocasião. Veremos então que Deus determinou para cada servo seu um tempo certo e uma ocasião certa para realizar o plano que Ele havia traçado para cada um.

(v 2a) Há tempo de nascer e tempo de morrer;

* Ana durante muitos anos de seu casamento sofreu amargamente por não poder ser mãe. Sofria humilhações de Penina, mas tinha uma recompensa que aliviava o seu sofrimento: o amor de Elcana. Mas por mais que ele a amasse não conseguia preencher o vazio que Ana sentia, e por essa razão ela clamava ao Senhor no templo de forma tão sofrida que o sacerdote Eli a confundiu com uma embriagada. (1Sm 1:12-17). O sofrimento de Ana havia chegado ao fim! Deus deu determinou que aquele seria o seu dia de vitória. (1Sm 1:19-20). Chegou o tempo de nascer! Mas o nosso Deus é grandioso e deu a Ana não só Samuel, mas deu mais 05 filhos (1Sm 2:20-21) para preencher o lugar deixado por Samuel pois Ana o dedicou ao Senhor.

* Simeão homem cheio do Espírito Santo esperava ver cumprida a profecia que lhe fora feita. (Lc 2:25-32). Para ele havia chegado o tempo de morrer, mas isso era motivo de felicidade para Simeão, pois o Senhor havia cumprido o que lhe prometera e isso era um grande privilégio para ele.

(v 2b) Tempo de plantar e tempo de arrancar

* Noemi por causa da fome precisou se retirar de sua terra com seu esposo Elimeleque e seus filhos. (Rt 1:1,2). Na terra de Moabe, durante os 10 anos que ali estiveram, os seus filhos casaram-se, mas não tiveram filhos, não plantaram raízes naquela terra porque Deus tinha algo muito melhor preparado para Noemi. Tanto Noemi, quanto suas noras ficaram viúvas, cada uma ao seu tempo, e Noemi decidiu voltar pra sua terra, tentou persuadir suas noras a ficarem por lá mesmo, pois não tinha nada para oferecer pra elas e muito menos filhos adultos pra se casarem de novo. Chegou o momento de arrancar: não havia netos, não havia raízes que pudessem prender Noemi naquela terra idólatra. Mas Deus que faz tudo perfeito, trabalhou de maneira extraordinária na vida dela através de sua nora Rute, quando esta resolveu segui-la de maneira incondicional para onde quer ela fosse. Através de Rute, Noemi pode ter dias tranqüilos no seu final de vida pois Boaz cumpriu com a tradição do lugar resgatando Rute, ou seja, casando-se com ela, e conseqüentemente amparando Noemi. E Rute, sendo uma moabita entrou para genealogia de Jesus pois ela foi a bisavó de Davi.

(v 3a) Tempo de matar e tempo de curar;

* Os israelitas, por causa de sua desobediência ao Senhor, passaram 07 anos entregues nas mãos dos midianitas, sendo dominados por eles. Saqueavam as tendas dos israelitas, matavam seus gados, ovelhas e jumentos, além de destruírem as suas plantações. (Jz 6:1-6). Mas os israelitas não agüentaram essa situação por muito tempo e arrependidos clamaram a Deus por libertação e o Senhor levantou a Gideão para livrá-los. Com apenas 300 homens Gideão venceu os seus inimigos, chegara o tempo de matar. Não matar por simples prazer, mas para livrar-se do domínio do inimigo. E Deus que trabalha de maneira espetacular confundiu os midianitas e eles mesmos se destruíram com suas próprias mãos (Jz 7).

* A Bíblia nos fala de uma mulher que durante 18 anos de sua vida vivia encurvada por causa de um espírito maligno que a atormentava (Lc 13:10-17). Outra, durante 12 anos de sua vida sofria de uma hemorragia que médico alguém pode curá-la, apesar de todo o dinheiro gasto com o tratamento (Lc 8:43-45). Um paralítico fazia 38 anos que estava junto ao tanque de Betesda esperando ser jogado nele quando as águas fossem movimentadas (Jo 5:1-14). Um cego de nascença, que muitos pensavam que ele estava sendo castigado por pecados cometidos por seus pais (Jo 9:1-12). Todos estes têm uma coisa em comum: Jesus não adiou nem mais um dia na vida destes que cruzaram seu caminho para realizar a cura tão desejada. A cura foi imediata! Para eles havia chegado o tempo de curar.

(v 4a) Há tempo de ficar triste e tempo de se alegrar

* Jó, homem temente a Deus e justo passou por momentos terríveis. Perdeu seus filhos, esposa e tudo quanto possuía. Para completar o seu sofrimento, seus amigos o acusavam de ter pecado e por isso estava passando por tudo aquilo. Aquele era o tempo de ficar triste. De repente tudo quanto tinha construído durante toda sua vida ele viu ruir e ainda ser acusado de ser o culpado. Mas Deus que contempla todas as coisas, mudou o quadro da vida de Jó e o final de sua vida foi mais abençoado do que o início, ele recebeu tudo em dobro, havia chegado para a vida de Jó o tempo de se alegrar.

(v 7b) Tempo de ficar calado e tempo de falar

* José sempre foi amado pelo seu pai, o predileto dos filhos. Seus irmãos, por causa desse amor profundo passaram a odiá-lo. A maneira que encontraram de livrar-se dele foi vendê-lo como escravo, já que não puderam matá-lo (Gn 37). José passou 13 anos de sua vida como escravo no Egito até que por providência divina tornou-se o Governador de lá. Quando chegou a fome na terra de Canaã, os seus irmãos foram comprar comida e José ficou calado sem se dar a conhecer para testar os seus irmãos. Aquele era o tempo de calar. Ele precisava constatar se de fato os seus irmãos estavam arrependidos do que tinham feito. Mas como os planos de Deus não são os nossos, tudo o que José havia passado foi permitido por Deus. José após tanto sofrimento recebeu de Deus uma grande alegria, descobriu que o seu pai ainda estava vivo. O momento de falar chegou ao ver o seu irmão Benjamim (Gn 45). A emoção de ver o seu irmão caçula foi mais forte e ele resolveu se revelar aos seus irmãos, e assim, Jacó seu pai morreu em paz, pois descobriu que José estava vivo. Se José tivesse dito logo no início quem era talvez a história tivesse tido outro desfecho.

Podíamos ainda falar de outros personagens bíblicos e o tempo relacionado em suas vidas:

* Jacó trabalhou durante 14 anos pelo amor de Raquel (Gn29);

* Ezequias ganhou mais 15 anos de vida depois de orar a Deus (2 Rs 20:6);
* Daniel e seus amigos ficaram durante 10 dias comendo apenas legumes e frutas e não se contaminaram com os manjares do rei e ao final dos dias estavam muito mais viçosos (Dn 1:8-17);
* Foi preciso Daniel passar 01 noite na cova dos leões para que o poder de Deus fosse manifesto e proclamado o Deus vivo que deveria ser adorado (Dn 6:16-28);
* Jonas passou 03 dias dentro do ventre do peixe para poder obedecer a ordem do Senhor e levar a mensagem aos ninivitas (Jn 2);
* Lázaro passou 04 dias no sepulcro até que voltou à vida (Jo 11:1-44).

(v 11) Deus marcou o tempo certo para cada coisa

Todos nós já enfrentamos diversos obstáculos: financeiro, problemas familiares, conflitos pessoais, etc. Mas a verdade é que Deus traçou o caminho de cada um, e hoje é o dia determinado por Ele para subirmos ao pódio. Ele nos trouxe de localidades diversas, tornamo-nos uma só equipe e percorremos juntos a caminhada, alguns pararam por um tempo, recobraram suas energias, voltaram para continuar a caminhada conosco e todos, sem exceção, chegaremos em 1º lugar, porque este é o nosso tempo de vencer!

2 comentários:

disse...

Linda palavra!
Aproveitando a oportunidade quero acrescentar Eclesiates 3:11a:

" Tudo fez Deus formoso no seu devido tempo;"

Gosto muito desta palavra.
Ah, como o Senhor já me confortou com esse versículo!
Podemos confiar nossas expectativas Naquele que tudo fez formoso NO SEU TEMPO...

Que possamos descansar e confiar Naquele que era, é e há de vir: o Deus Eterno!

Deus abençoe, irmã.

Cleia Katiucya disse...

O Senhor conhece a estrutura de cada um dos que criou.
O tempo é,nas mãos d'Ele, uma ferramenta para aperfeiçoar aqueles que foram chamados segundo seu próposito.
Ás vezes dói, mas a verdade é que no fim das contas, sempre nos alegramos naquilo que Ele tem feito no decorrer do anos.

O tempo passa, lembranças ficam...

Creio que o desejo do coração do mestre é que no decorrer dos anos nos tornemos mais sábios e aptos para toda boa obra.

Não preciso dizer que te amo muito,"né" , pernambucana querida?!!!!